Passe Longe: 5 Carros Que Você Deve Evitar Em 2019

Compartilhe

Não é preciso dizer que os carros de hoje em dia são melhores em quase todos os aspectos, uma vez que até os mais baratos oferecem performance e qualidade de construção aceitáveis. No entanto, como sempre, alguns modelos tendem a ser melhores parceiros nas ruas do que outros.

Enquanto os piores carros e camionetes do mercado costumavam ser criticados por montagens e acabamentos de baixa qualidade, tendências a enferrujar ao menor sinal de umidade, ou projetos duvidosos que deixavam o motorista na mão por causa de falhas catastróficas, atualmente os modelos com as piores avaliações tendem a ser criticados com base em uma lista monótona de problemas pequenos e relativamente simples, como sistemas de informação e entretenimento que são difíceis de entender.

Nesse sentido, alguns carros e camionetes perderam o apelo que tinham por ficarem no mercado por muito tempo sem passar por nenhuma grande atualização, ou simplesmente falharam em engajar o consumidor. Além de terem performance e avaliações de confiabilidade abaixo da média, esses são os carros de 2019 que definitivamente poderiam melhorar.

1. Mitsubishi Mirage

Em um nicho automobilístico que se tornou majoritariamente irrelevante por causa da baixa do petróleo, o Mirage está abaixo da média na melhor das hipóteses, com amortecimento ruim, direção desagradável e aceleração fraca fornecida por seu motor de três cilindros e 74 cavalos. A Consumer Reports o colocou em último lugar na categoria de sub-compactos, com baixa confiabilidade prevista acompanhada de uma triste avaliação de qualidade inicial da JD Power .

2. Maserati Ghibli

Esse é um grande exemplo de dinheiro que pode ser melhor investido. Embora o Ghibli, um carro de médio-porte, disponha de uma sedutora estilização italiana e alto grau de exclusividade de marca, seu desempenho é medíocre. A Consumer Reports o colocou na décima-sétima posição em um ranking de 17 carros de luxo de médio-porte, ressaltando sua manobrabilidade rígida, direção desleixada, e pouco espaço traseiro. A CR também a avalia mal quanto à confiabilidade projetada.

3. Jeep Wrangler JK

Essa é essencialmente a geração anterior do icônico Wrangler, da Jeep, que continua em promoção em 2018 junto do recentemente reprojetado “WranglerJL”. O JK permanece invicto quanto a suas habilidades off-road, mas como um carro para o dia-a-dia ele é apertado, barulhento, nada refinado e agressivo nas lombadas. Segundo relatos, a nova versão é mais sofisticada. Enquanto isso, o JK recebe péssimos 26 pontos de 100 da Consumer Reports, junto com avaliações ruins de confiabilidade tanto da CR quanto da JD Power.

4. Ford Taurus

Um de muitos carros populares de grande porte no mercado, o Taurus é o “mais velho” do grupo, tendo sido atualizado em 2010. Seu desempenho é bom o suficiente, embora o espaço traseiro pudesse ser mais generoso, e vale muito mais a pena comprar um modelo semi-novo. Tanto a Consumer Reports quanto a JD Power o avaliam mal quanto a sua confiabilidade.

5. Ford Fiesta

Uma vez que o preço da gasolina continua acessível, consumidores americanos têm poucas razões para escolher um dos menores carros do mercado. Embora o Ford Fiesta seja um pouco mais esportivo do que a maioria dos sub-compactos, o modelo está há muito tempo sem passar por uma atualização de qualquer tipo. Além de uma nota abaixo da média da ConsumerReports, o Fiesta recebe avaliações ruins de confiabilidade tanto da CR quanto da JD Power.